Alimentos, Meio ambiente

Para que serve a análise da Radioatividade

Radioatividade é um acontecimento, natural ou artificial, que ocorre quando algumas substâncias, chamadas radioativas, são capazes de emitir radiações. Algumas possuem a capacidade produzir fluorescência e até mesmo atravessar corpos opacos à luz, dentre outros tantos fenômenos. As principais ondas de radiação emitidas pelas substâncias radioativas são partículas alfa, beta e raios gama.

O uso da Radioatividade nos dias atuais

Por se tratar de uma forma de energia – a nuclear – após muitos estudos a radioatividade passou a ser instaurada no cotidiano humano nos mais diversos âmbitos profissionais. Isso permitiu muitas facilidades e o desenvolvimento de diversos setores.

  • Na produção de energia elétrica, por exemplo, o uso dos reatores nucleares produz energia elétrica. Isso é de extrema importância visto que, com o avanço da tecnologia, cada vez mais dependemos de energia. Baterias nucleares são também utilizadas na impulsão de navios e submarinos.
  • Já na indústria, a radioatividade aparece em radiografias de tubos e lajes, para detectar trincas e falhas, por exemplo. Ainda, é usada no controle de produção e do desgaste de materiais, na determinação de vazamentos em canalizações e oleodutos. Também na conservação de alimentos e na esterilização de materiais, como seringas descartáveis.
  • Na medicina, é constantemente usada no diagnóstico das doenças, como o dos problemas relacionado a tireoide, tumores cerebrais e câncer. Ainda, verifica a possibilidade de fraturas nos muito famosos Raios-X.
  • Quando analisamos o setor da agricultura, vemos seu uso para análise de absorção de dióxido de carbono durante a fotossíntese, por exemplo. Ainda, a radioatividade é usada para obtenção de cereais mais resistentes.
  • Para os profissionais da geologia e arqueologia, trouxe facilidades na datação de rochas e fósseis, principalmente pelo carbono 14.

Os malefícios da Radioatividade e a importância da Análise da Radioatividade

Conforme a quantidade de radiação a qual o ser humano se expõe, o indivíduo pode acabar em uma situação de perigo. Essa exposição pode desencadear grandes prejuízos, muitos deles irreversíveis e fatais. Doses excessivas podem ser muito prejudiciais. Por exemplo, pode provocar destruição de células, queimaduras de altíssimo grau e até mesmo lesões no sistema nervoso e aparelho gastrointestinal.

Como esses sinais de radiação passam despercebidos por nosso organismo, pessoas em constante contato com radiação devem sempre estar protegidas. Profissionais que trabalham com esse material, por exemplo deve utilizar roupas especiais e usar os equipamentos necessários para o transporte e uso dos elementos de radiação.

Tendo isso em vista, vê-se que a medição das quantidades de níveis de radioatividade de ocorrência natural e causadas pelo homem é importante para a saúde humana e para a vida de ecossistemas. Esse controle é determinado por lei, garantindo que as medições da radioatividade em alimentos e no meio ambiente sejam controladas.

Para garantir que os produtos que você consome, por exemplo, alcançarão o mercado o mais rápido possível, você precisa ter certeza de que os níveis de radioatividade não ultrapassam os limites legais. É com essa preocupação e comprometimento que a ALS Life Sciences APAC realiza o teste, inspeção, certificação e verificação de tais níveis nos mais diversos produtos. Entre eles, alimentos, cosméticos, produtos químicos e até mesmo amostras ambientais (como o ar, solo, flora e fauna e água).

Para saber mais sobre análise da radioatividade, confira nossos e-Books gratuitos.

Compartilhe este conteúdo

Imprimir